Escolha uma Página

SCHIZOLOVE

Luta contra o estigma
da esquizofrenia

Cliente:
FOG

A esquizofrenia é um transtorno psiquiátrico que dificulta a distinção do que é real ou imaginário e, normalmente, aparece entre o final da adolescência e começo da vida adulta.
Ela ainda não tem cura, mas tem tratamento. A ajuda psiquiátrica e os medicamentos indicados pelos profissionais são indispensáveis para se viver bem, mesmo com o transtorno.
Mas, e se algo a mais puder ser feito?

O primeiro passo para ajudar na recuperação é parar o estigma e preconceito, pois são os principais motivos do isolamento social e a não busca do tratamento adequado. Pesquisas mostram que em países subdesenvolvidos como a Zâmbia, ou em culturas tribais, a recuperação de pessoas com esquizofrenia é de aproximadamente 50%, enquanto em países desenvolvidos é de cerca de 30%, mesmo com apoio psiquiátrico e da indústria de medicamentos. Uma das razões principais é a maior aceitação e amor dedicados às pessoas com o diagnóstico.

E se a cura for o amor?

Mesmo que não seja, pelo menos a vida vai ser bem melhor. Promover a aceitação, compreensão e o respeito da sociedade com relação a esquizofrenia, depende de cada um de nós.

1% da população
mundial sofre com
a esquizofrenia.

são 50 milhões de
pessoas a serem
amadas.

apenas no brasil, há o
registro de 2,5 milhões
com a condição.

1 a cada 10 pessoas
acabam cometendo
suicídio.

Brand Insights

Receba nossa ezine
sobre branding, comunicação
e negócios.

    

Brand Insights

Receba nossa ezine
sobre branding, comunicação
e negócios.

  

Brand Insights

Receba nossa ezine
sobre branding, comunicação
e negócios.

  
Homenagem não oficial